Quem ouve este álbum de forma leviana vai achar que não passa de barulho cerebral. Mas uma boa ouvida, assim com fone de ouvido, revela o que de mais moderno e lindo está acontecendo na cena instrumental brasileira. Os músicos são realmente muito bons, uma nova safra que ainda vai dar o que falar. Tem acordeon com um toque gaucho, tem violão muito muito explorador e completo, tem saxofone, tem baixo elétrico e tem uma bateria bem arranjada cujo dono parece ter 6 braços. Gosto muito da Portal, do tema e arranjo da Viajeiro e do vocalise do Filó Machado na Palaciana.

  1. Folha negra (Arthur Boscato, Filipe Maliska, Rodrigo Moreira)
  2. Cambirela (Arthur Boscato)
  3. Palaciana (Arthur Boscato)
  4. Antigos (Rodrigo Moreira)
  5. Sono (Rodrigo Moreira)
  6. Elétrico (Diego Guerro)
  7. Espera (Arthur Boscato)
  8. Portal (Diego Guerro)
  9. Viajero (Orlando Bonzi)
  10. Dunundjé (Rodrigo Moreira)

O Entrevero Instrumental é:

  • DIEGO GUERRO [acordeon]
  • JOTA P BARBOSA [saxofone]
  • FILIPE MALISKA [bateria]
  • RODRIGO MOREIRA [baixo]
  • ARTHUR BOSCATO [violão sete cordas]

Participações especiais:

  • HERMETO PASCOAL (Dunundjé)
  • FILÓ MACHADO (Palaciana)